Pix fora do ar: como resolver

Quando chegou, o PIX logo conquistou o coração do público. Afinal, o que é melhor do que fazer as operações financeiras rápida e gratuitamente? Porém, com o tempo, você começa a contar com essa facilidade e, se ela falha, pode ser um problema. Aqui vamos explicar o que você faz quando o PIX está fora do ar!

Qualquer serviço prestado via internet está sujeito a instabilidades e problemas. Assim, é sempre bom ter um plano B, pois nesse caso as dificuldades diminuem. Se o PIX for o único recurso que você domina para enviar dinheiro, em uma situação de queda, vai ter de procurar alguma outra forma. Embora seja uma informação relativamente acessível, em situações de falta de tempo, ter que procurar pode ser um problema.

Além disso, é importante o que está causando o erro. Isso porque muitas vezes, a causa da instabilidade pode estar no app ou na conta da instituição. Assim, vamos mostrar também como você pode identificar essas situações e resolver elas.

Continua após a publicidade

Leia mais: O Pix não chegou na conta: veja aqui o que fazer!

PIX fora do ar: identificando a situação

O PIX é um recurso lançado pelo Banco Central em 2020. Disponível 24h por dia, ele tem facilitado muito a vida das pessoas, trazendo uma agilidade a mais para as operações financeiras. Porém, toda tecnologia está sujeita a falhas e não é diferente com o sistema do PIX.

Ainda assim, é bom considerar que este é um sistema bastante protegido, então é relativamente raro que ele passe por instabilidades. Ao não conseguir fazer uma transferência por PIX, há outras possibilidades a considerar.

Em primeiro lugar, pode parecer bobo, mas conferir a sua conexão com a internet. Isso porque, estatisticamente, é mais provável que sua wi-fi esteja com problemas do que o sistema do PIX – o mesmo se aplica ao uso de dados móveis. Conectar em outra rede wi-fi, ou alternar entre a rede wi-fi e conexão 3G também é uma forma de testar.

Outra coisa a observar é o aplicativo da instituição financeira que também pode estar falhando. Talvez fechar e abrir, mas também verificar se ele está atualizado. Nessa hora, as redes podem ser suas parceiras, pois quando um aplicativo começa a falhar ele logo cai na boca do povo – facilitando a identificação. Em alguns casos, o app pode estar falhando especificamente no seu celular. Assim, é possível reiniciar o celular, ou reinstalar o programa.

Continua após a publicidade

Elas também podem ajudar a identificar quando o próprio sistema do PIX cair. Essa é a possibilidade mais provável, caso sua internet e app estejam funcionando. Mesmo assim, não precisa se desesperar: ainda há outras formas de fazer suas operações financeiras.

O PIX está fora do ar, e agora?

Como o PIX facilitou muito as coisas de forma bastante rápida, em alguns meses nós já nos acostumamos com ele. As pessoas que começaram a vida financeira com o PIX, então, às vezes sequer usaram outros recursos. Porém, eles ainda existem e podem ser a salvação da lavoura caso o PIX não funcione. Aqui vamos listar algumas delas, com seus prós e contras.

Transferência TED ou DOC

Com uma forma muito mais confortável e prática de enviar dinheiro de uma conta a outra, as transferências foram praticamente abandonadas por muita gente. Isso porque, embora tenham muitas similaridades com o PIX, elas não são instantâneas e, em alguns casos, não são gratuitas também. Vários bancos cobram a transferência TED ou DOC para outras instituições, por exemplo.

Por isso, as transferências deixaram de ser o “Plano A” de muitas pessoas, mas elas podem ser o “Plano B”, caso o PIX não esteja funcionando.

Aproveite a oportunidade

💳 Você foi selecionado para ter um cartão de crédito que não cobra anuidade, aceito em milhares de estabelecimentos pelo mundo: abra uma conta BV gratuita!

Boletos

Se é o caso de um pagamento, você pode pedir que seu credor crie um boleto. Você consegue pagar ele no próprio app da sua instituição financeira, ou em uma lotérica. No entanto, nesses casos, existe um prazo de dois dias úteis até a compensação. Outra opção é ir direto na boca do caixa, pois assim a compensação é imediata.

Passar cartão no débito

Continua após a publicidade

Você pode pagar a pessoa por cartão, se ela tiver uma maquininha. Um problema dessa forma de pagamento é que ela não é gratuita para quem recebe, já que as companhias de maquininhas cobram taxas de até 2% para pagamentos no débito. No entanto, ele tem a conveniência de ser imediato, como é o PIX.

Leia mais: Empréstimo com garantia do FGTS no PAN: veja como fazer o seu!

Saiba tudo sobre dinheiro

O PIX é bom, não é? É sempre bom saber sobre as soluções que chegam ao mercado financeiro todos os dias. Coisas como ofertas de cartão de crédito, contas digitais e investimentos, podem ajudar muito uma pessoa a conquistar seus objetivos. Você, provavelmente, não quer ficar de fora.

Aqui no Meu Portal Financeiro nós nos dedicamos exatamente a isso. Dar as melhores informações para que você consiga aproveitar da melhor forma possível seu dinheiro e elevar seu patrimônio. Nos acompanhe para mais informações!

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior

SPC limpa nome: passo a passo para negociar dívidas!

Próximo

Conta Inter Kids: saiba como funciona e se vale a pena

Posts Relacionados
Total
0
Share