o que é cheque especial

O que é cheque especial e como funciona?

Ainda que você talvez não saiba exatamente o que é cheque especial, é possível que já tenha ouvido algo sobre ele. Isso porque esta forma de crédito tem uma fama muito ruim. Mas o que é cheque especial? Devemos ter medo dele? Por que ele é tão perigoso?

O cheque especial é um recurso de emergência, que o banco deixa disponível para quando seu salário acaba. Como todo recurso de emergência, ele não deve ser acionado toda hora.  Emprestar para alguém que está no cheque especial é um investimento perigoso. Risco, no mundo das finanças, significa juros. Ou seja, é um empréstimo caro.

Se você quer entender o cheque especial, como entrar e como sair dele, continue lendo este artigo. Vamos ver que a situação de dívida no cheque especial é difícil, mas tem jeito. Também mostraremos outras formas de crédito, que podem ser mais úteis se você quer fugir dos salgados juros do cheque especial. Acompanhe!

Leia também: O que é empréstimo consignado? Saiba tudo sobre essa modalidade!

Como funciona

Aproveite a oportunidade

💳 O BTG+ oferece benefícios e experiências únicas para quem quer um cartão cartão de crédito sem anuidade e que entende suas necessidades.

Solicite seu cartão!

Trata-se de uma linha de crédito pré-aprovado. Ou seja, você não precisa pedir para o banco disponibilizar na sua conta. Por isso, muitas pessoas acabam “caindo” nele sem querer, ao confundir o “limite disponível para saque” com o quanto resta do próprio salário.

Essa acessibilidade também explica por que, mesmo tendo juros muito altos, essa modalidade de crédito é bastante utilizada. A situação de contas apertadas no final do mês é perfeita para reações impulsivas. Muitos, na aparente falta de opções, acabam escolhendo algo que não é bom para suas finanças.

Para piorar a situação, ao contrário de outros empréstimos, ele é automático. Ao fazer uma compra no débito com o valor maior do que o que tem na sua conta corrente, o restante vai para o cheque especial. Assim, outra leva de pessoas acaba usando sem saber.

Da mesma forma que outras modalidades de crédito, o limite do cheque especial é definido por uma análise que o banco faz das suas finanças. O cheque especial pode vir com o nome de “empréstimo pré-aprovado”, LIS entre outros. Porém, ele vem sempre com essas características, de fácil identificação.

Quanto valem os juros do cheque especial?

Como dissemos anteriormente, os bancos cobram juros bastante altos para o cheque especial. Aqui, iremos comparar com outras formas de crédito para que você possa ter uma noção.

No final de março de 2021, o Banco Central calculou a taxa média de juros do cheque especial em cerca de 120% ao ano. Esse valor pode chegar a mais de 200% em alguns casos.

Para efeitos de comparação, o crédito para compra de veículos era de 20% a.a no mesmo período, o crédito pessoal consignado de 18,9% a.a e o financiamento imobiliário em 7%. O crédito pessoal não-consignado, considerado caro, era de 86,4%.

Dessa forma, se você chegar ao fim do mês sem dinheiro, talvez seja interessante gastar um pouco de tempo para pesquisar outras alternativas de crédito, como as listadas acima. É claro que nem todo banco é igual, então listamos as taxas de juros de alguns dos bancos mais populares atualmente, segundo o Banco Central:

Aproveite a oportunidade

💳 Você foi selecionado para ter um cartão de crédito que não cobra anuidade, com limite de até 7 mil reais e que aprova na hora: abra uma conta gratuita no Banco Pan!

  • Bradesco: 154% a.a;
  • Banco do Brasil: 148% a.a;
  • Caixa: 90% a.a;
  • Banco Inter: 108% a.a;
  • Banco PAN: 157% a.a.

A forma como são cobrados esses juros é, também, um agravante. Enquanto outros empréstimos atualizam o valor sobre o qual incidem os juros todo mês, o cheque especial faz isso diariamente. Isso significa que, todos os dias, os juros aumentam de valor.

Me endividei com o cheque especial. E agora?

Se você entrou no cheque especial e não consegue pagar, não é motivo para desespero. Como toda dívida, existem cursos de ação que você pode tomar para limpar o nome.

Continua após a publicidade

Em primeiro lugar, aconselhamos a negociar a dívida com seu banco. Ao contrário do que muitos podem pensar, seus credores vão preferir receber menos por uma dívida, mas garantir o pagamento, do que ficar eternamente com ela. Dessa forma, negociar antes de pagar pode diminuir o impacto da dívida na sua vida financeira.

Você também pode renegociar. Como mostramos acima, existem formas de crédito que tem juros bem mais leves. Ou seja, ao pegar um empréstimo consignado, por exemplo, para pagar o cheque especial, você está trocando taxas de juros maiores por taxas menores. Em termos mais simples, você está assumindo uma dívida menor para pagar uma maior.

Para não ficar nessa situação novamente, uma medida é reduzir o limite do seu cheque. Assim, você evita o uso dessa modalidade de crédito a um limite seguro. Embora os bancos notifiquem os clientes quando eles entram no cheque especial, é fácil perder o controle do quanto você gastou com ele.

Como vimos neste artigo, a informação pode ajudar a não perder dinheiro e sair de situações difíceis. Mais do que isso, saber o que está acontecendo no mundo financeiro pode ajudar a não cair em “armadilhas”.

Aqui no Meu Portal Financeiro nós estamos constantemente publicando dicas, novidades e tudo que é útil saber sobre como administrar seu dinheiro. Continue acompanhando o blog e não perca nada!

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
cobrança indevida

Cobrança indevida: o que é e como lidar

Próximo
carteira digital

Carteira Digital: O que é e como funciona uma e-wallet

Posts Relacionados
Total
0
Share