💳 O Banco BV oferece benefícios únicos em seu cartão de crédito sem anuidade, aceito em milhares de estabelecimentos pelo mundo: abra uma conta gratuita e solicite o seu!

Leilão de Ações

Na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), os mercados de leilão são o método preferido para conectar compradores e vendedores. Este mercado é dominado por especialistas que atuam como leiloeiros.

Eles combinam compradores e vendedores com base em seus requisitos de pedido, a fim de fornecer um mercado contínuo e eficiente. Quando um comprador faz um lance de $ 5 por uma ação específica, um especialista iguala os dois e faz o valor de mercado atual da Empresa XYZ $ 5.

Como funciona o mercado de leilões?

O mercado de leilões funciona por meio de um processo conhecido como mercado de revendedores. Utiliza formadores de mercado para fornecer liquidez e conectar compradores e vendedores.

O processo envolve a identificação de contrapartes na bolsa. Um licitante oferecerá um preço inferior ao seu limite e o vendedor o igualará. Em contraste, o mercado de baixo preço usará uma troca para igualar os lances. As ações de alto preço serão compradas pelo menor lance.

Quando um leilão é realizado, um licitante tem uma chance de ganhar uma determinada ação. O licitante deve pagar o valor total para comprar as ações. Se forem bem sucedidos, o licitante será o vencedor.

Esse processo é conhecido como “leilão de fechamento”. Quando uma empresa vende ações, ela é vendida para o maior lance. Este processo é chamado de processo de compensação. Terminado o leilão, os títulos restantes serão vendidos ao maior lance.

Por que uma ação entra em leilão?

O processo de compra e venda de ações ocorre em um mercado de leilões. O principal objetivo do leilão de ações é diminuir potenciais distorções nos preços. Isso porque elas poderiam afetar investidores e impactar, até mesmo, todo o mercado. Essa troca é um mercado onde compradores e vendedores inserem lances e ofertas competitivas.

O preço final de uma ação representa a oferta mais alta que um comprador está disposto a aceitar e a oferta mais baixa que um vendedor está disposto a aceitar. Esses compradores e vendedores combinam lances e ofertas. Os resultados de um leilão representam um preço em tempo real que um vendedor provavelmente aceitará.

O Leilão de Fechamento da Bolsa de Valores de Nova York é o último evento do dia de negociação. Ele determina o preço de fechamento de cada ação na bolsa. As ordens Market-on-Close (MOC) representam seu interesse no leilão de fechamento, independentemente do preço. Eles fornecem a segurança da execução. As ordens Limit-on-Close (LOC), por outro lado, só participam se o preço do leilão de fechamento for superior ao preço limite.

Diferença do Mercado de Balcão para o Mercado de Leilão

A principal diferença do mercado de balcão para os mercados de leilão, é que os mercado de leião operam por meio de um processo competitivo entre compradores e vendedores. Em um leilão, compradores e vendedores indicam o lance mais alto e a oferta mais baixa e, em seguida, fazem uma negociação.

Isso é feito por meio de um clamor aberto, o que significa que o comprador e o vendedor não estão necessariamente na mesma sala. Isso permite transações mais eficientes entre o comprador e o vendedor e torna o processo mais conveniente e transparente. Esta é uma maneira perfeita de comprar e vender ações sem o incômodo de um mercado superfaturado.

Termos relacionados

Dólar Comercial

Se você quiser comprar algo, pode comprá-lo no dólar comercial, que é o ponto médio entre oferta e demanda. Na verdade, o dólar comercial pode

Ler mais

Stop Loss

Há muitas pessoas que não usam stop loss, e há muitas razões para isso. Alguns investidores acham que o stop loss é desnecessário e até

Ler mais

JCP

As empresas costumam usar juros sobre capital próprio (JCP) para remunerar os acionistas. Assim como os dividendos e juros sobre capital próprio, essa forma de

Ler mais
João Santos

João Santos

Produtor de conteúdo especialista em finanças e investimentos, com uma bagagem de 10 anos atuando em PMEs.

Newsletter