💳 O Banco BV oferece benefícios únicos em seu cartão de crédito sem anuidade, aceito em milhares de estabelecimentos pelo mundo: abra uma conta gratuita e solicite o seu!

Demanda reprimida

A demanda reprimida é um termo usado para descrever uma condição econômica que existe entre recessões econômicas. Demanda reprimida é um termo usado também para o mundo dos negócios, para descrever uma demanda inesperadamente forte. É frequentemente usado para descrever um retorno ao consumo após uma recessão prolongada.

A demanda reprimida é a tendência dos consumidores de adiar as compras. Durante uma crise econômica, as pessoas tendem a adiar as compras e usar mais recursos financeiros. Mas quando a economia voltar ao normal, esse efeito se reverterá e as pessoas começarão a gastar novamente.

Se a economia está estável e a economia está crescendo, a demanda reprimida é a mesma. Mas a recessão é um fenômeno de longo prazo e durará até que a recessão termine.

Quando ocorre a demanda reprimida?

A situação ocorre quando as pessoas estão desempregadas ou têm medo de perder seus empregos. Embora esta seja uma situação normal, há muitas vezes em que isso pode resultar em uma superabundância de demanda. Durante esse período, as empresas podem aproveitar essa situação e vender produtos aos consumidores antes que a economia se recupere.

O vírus enfraquecido causado pela crise financeira global causou severas restrições nas viagens aéreas domésticas. A Disneylândia de Xangai, na China, foi forçada a fechar por três meses e os ingressos esgotaram em minutos.

O que a demanda reprimida pode causar?

Este é um resultado comum da recessão. A nova onda de demanda reprimida também pode levar a um aumento da taxa de natalidade. Com mais pessoas tendo filhos, mais bebés nascem. A situação pode levar a um baby boom.

Em uma recessão, os consumidores tendem a adiar as compras, acumulando um acúmulo de demanda. Isso é particularmente verdadeiro para bens duráveis, como carros. Consequentemente, é possível esperar que esses consumidores gastem mais dinheiro se a economia melhorar.

Quando a economia está passando por um momento difícil, a demanda reprimida é galopante. Quando os consumidores estão adiando compras caras, eles podem adiar até que a economia melhore. Quando decidem gastar, podem estar menos dispostos a reparar ou substituir seus itens mais antigos.

Essa situação é desencadeada pelo medo do desemprego, restrições básicas de liquidez e pontuação de crédito restrita. Se essa tendência continuar, os gastos do consumidor podem se tornar insustentáveis ​​e até revertidos, mas os consumidores provavelmente continuarão gastando mais para se manterem solventes.

O que aconteceu na crise econômica nos anos 2000?

A crise econômica do início dos anos 2000 não fez com que a demanda reprimida aumentasse. No entanto, ainda é evidente durante a Grande Recessão. A crise econômica fez com que a poupança do consumidor aumentasse, e os bancos centrais, por sua vez, baixaram as taxas de juros para estimular os gastos.

Além disso, a situação de demanda reprimida aumentou quando a economia melhorou e os consumidores não pararam de economizar. Esse efeito durou muito tempo, o que significa que continuaria a aumentar com a recuperação da economia.

Termos relacionados

Risco de Mercado

O risco de mercado é um termo que se refere ao risco de perdas em suas posições. Os riscos são atribuídos aos preços e volatilidade

Ler mais

Ouro

O ouro é o elemento químico com número atômico 79. É um metal amarelo alaranjado brilhante com uma superfície macia, maleável e dúctil. Além disso,

Ler mais

Abertura de capital

Os IPOs podem ser uma ótima maneira de levantar capital para sua empresa e expandir seus negócios. As taxas e juros podem ser muito altos

Ler mais
João Santos

João Santos

Produtor de conteúdo especialista em finanças e investimentos, com uma bagagem de 10 anos atuando em PMEs.

Newsletter